A formação de professores em São Paulo (1846-1996):a prática de ensino em questão

R$59,00

ou em até 3x de R$19,67 sem juros.

Nos estudos acerca das escolas normais no estado de São Paulo, torna-se significativo percorrer os caminhos da prática de ensino e dos estágios supervisionados desde sua primeira concepção, idealizada por Caetano de Campos nas escolas-modelo em 1890, até os dias atuais, em que os discursos sobre a falência do ensino nas escolas ocupam as plataformas políticas e a sociedade brasileira. E a pergunta torna-se candente: é possível preparar futuros educadores durante os cursos de formação, por meio de atividades práticas, de acordo com um procedimento idealizado há mais de um século?

Este livro pretende contribuir para o estudo da prática de ensino desenvolvida com atividades de estágio supervisionado e apresentar como ela vem sendo realizada nos cursos de formação de professores desde que foram implantados no estado de São Paulo (com a criação da primeira Escola Normal em 1846) até a extinção da formação em nível médio em 1996 (Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional n. 9.394), cento e cinquenta anos após ter sido função precípua das escolas normais

41 em estoque

REF: 978-85-7496-367-9 Categorias: ,

Descrição

Nos estudos acerca das escolas normais no estado de São Paulo, torna-se significativo percorrer os caminhos da prática de ensino e dos estágios supervisionados desde sua primeira concepção, idealizada por Caetano de Campos nas escolas-modelo em 1890, até os dias atuais, em que os discursos sobre a falência do ensino nas escolas ocupam as plataformas políticas e a sociedade brasileira. E a pergunta torna-se candente: é possível preparar futuros educadores durante os cursos de formação, por meio de atividades práticas, de acordo com um procedimento idealizado há mais de um século?

Este livro pretende contribuir para o estudo da prática de ensino desenvolvida com atividades de estágio supervisionado e apresentar como ela vem sendo realizada nos cursos de formação de professores desde que foram implantados no estado de São Paulo (com a criação da primeira Escola Normal em 1846) até a extinção da formação em nível médio em 1996 (Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional n. 9.394), cento e cinquenta anos após ter sido função precípua das escolas normais

 

Informação adicional

Peso 0.275 kg
parcelas

sinopse

indice

Informações do Autor

Nº de Páginas

Nº da Edição

Dimensões

Autora

Ficha Técnica

isbn

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A formação de professores em São Paulo (1846-1996):a prática de ensino em questão”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *