Pré-venda – Pedagogia histórico-crítica: 40 anos de luta por escola e democracia – Volume 2

R$64,00

ou em até 3x de R$21,33 sem juros.

Organização: Ana Carolina Galvão, Cláudio de Lira Santos Júnior, Larissa Quachio Costa, Tiago Nicola Lavoura.

180 em estoque

SKU: 978-65-88717-38-7 Categorias: ,

Descrição

SUMÁRIO

UM ELOGIO À MEMÓRIA E UM ATO DE RESISTÊNCIA
Ana Carolina Galvão, Cláudio de Lira Santos Júnior, Larissa Quachio Costa e Tiago Nicola Lavoura
CAPÍTULO 1: A APROPRIAÇÃO DA LINGUAGEM ESCRITA: CONTRIBUIÇÕES DA PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL E DA PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA
Adriana de Fátima Franco e Fernando Wolff Mendonça
1. A periodização do desenvolvimento
2. A apropriação da escrita: especificidades da idade escolar
3. A necessidade da organização do ensino
Considerações finais
CAPÍTULO 2: PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E A MERCANTILIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO
André Silva Martins e Leonardo Docena Pina
1. Mercantilização da educação: crítica com base na economia política
2. Mercantilização da educação: implicações para o trabalho educativo
Considerações finais
CAPÍTULO 3: ADOLESCÊNCIA, JUVENTUDE E RELAÇÕES COM O ENSINO: REFLEXÕES FUNDAMENTADAS NA PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL
Angelina Pandita Pereira
1. Princípios gerais para compreensão da periodização do desenvolvimento humano fundamentada na psicologia histórico-cultural
2. Desconstruindo a naturalização da adolescência e da juventude frente ao contexto brasileiro
3. Desenvolvimento na adolescência e juventude: compreensões baseadas em escritos soviéticos
4. Contribuições e limitações da periodização do desenvolvimento da psicologia histórico-cultural para a compreensão e atuação com adolescentes e jovens brasileiros
CAPÍTULO 4: PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA PARA AS ESCOLAS DO CAMPO: CONTRIBUIÇÕES TEÓRICAS DO TRABALHO EDUCATIVO DESENVOLVIDO PELOS GRUPOS LEPEL/FACED/UFBA E GEPEC/FACED/UFBA
Celi Nelza Zulke Taffarel, Elisete Santos, Erica Cordeiro de Sousa, Márcia Luzia Cardoso Neves, Marize Carvalho,
Raphael dos Santos, Selidalva Gonçalves Queiroz e Sicleide Gonçalves Queiroz
Introdução
1. Modelo de desenvolvimento capitalista, fechamento de escolas do campo e rebaixamento da formação docente
2. Fundamentos da formação continuada de professores de escolas do campo na Bahia
Considerações finais
CAPÍTULO 5: O ENSINO DE HISTÓRIA COMO CAMPO DE BATALHA
Cláudio Félix dos Santos
Introdução
1. Sobre o ensino de história na perspectiva histórico-crítica
2. A análise da “situação histórica” como instrumentalização no ensino histórico-crítico
Considerações finais
CAPÍTULO 6: NEXOS E RELAÇÕES ENTRE A PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E A ABORDAGEM CRÍTICO-SUPERADORA
Flávio Dantas Albuquerque Melo e Murilo Morais de Oliveira
Introdução
1. Atividade humana, desenvolvimento e cultura corporal: a questão do objeto de estudo e o ensino da educação física
2. Concepção de currículo à luz da teoria pedagógica histórico-crítica
Considerações finais
CAPÍTULO 7: PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E O ENSINO DA QUÍMICA
Hélio da Silva Messeder Neto
1. Prática social, problematização e instrumentalização: discutindo forma e conteúdo no ensino da química
2. A catarse e a prática social como ponto de chegada: a química como segunda natureza no estudante
Considerações finais
CAPÍTULO 8: CONTRIBUIÇÕES DA DISCIPLINA BIOLOGIA PARA A FORMAÇÃO DA CONCEPÇÃO MATERIALISTA, HISTÓRICA E DIALÉTICA DE MUNDO
Júlia Mazinini Rosa
Introdução
1. Biologia funcional e biologia evolutiva
2. Sistemas conceituais evolutivos e seus fundamentos filosóficos materialistas, dialéticos e históricos
Considerações finais
CAPÍTULO 9: DECADÊNCIA IDEOLÓGICA E RELATIVISMO LINGUÍSTICO NO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA
Larissa Quachio Costa
Introdução
1. As revoluções de 1848 e a reação burguesa
2. Decadência ideológica: o germe do pensamento pós-moderno
3. Pensamento pós-moderno e a herança do relativismo
4. O lema aprender a aprender: expressão da decadência ideológica
5. O ensino de língua portuguesa e sua importância para o desenvolvimento psíquico do indivíduo
Considerações finais
CAPÍTULO 10: PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E O ENSINO DE GEOGRAFIA CRÍTICA: A IMPORTÂNCIA DOS CONCEITOS PARA O TRABALHO COM CONTEÚDOS GEOGRÁFICOS ESCOLARES
Lucas André Teixeira
Introdução
1. As concepções fundamentais para o trabalho pedagógico na área do ensino de geografia crítica
2. A importância dos conceitos para o trabalho com conteúdos geográficos escolares na perspectiva histórico-crítica
Considerações finais
CAPÍTULO 11: PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E O ENSINO DA ARTE
Yaeko Nakadakari Tsuhako
Introdução
1. O ensino do desenho como linguagem
2. Transformações do professor por meio da apropriação do conhecimento e da atividade
Considerações finais

Informação adicional

Peso 0.350 kg

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.