50 de 58 produtos cadastrados na categoria

Próximo »  

Cidadania pequena

Cidadania pequena

Autor: Pedro Demo


R$26,00







Nº da Edição: 1ª edição (2001)

Nº de Páginas: 128

Isbn: 85-7496-025-X

Dimensões: 10,5x17 cm



Disponibilidade: Em estoque


Dúvidas ?
 
 


Calcular frete:

Formas de pagamento:

 

R$26,00

Parcele em até 1x sem juros
1x de R$26,00


 

A cidadania brasileira continua espantosamente restrita. Dados da Pesquisa Mensal de Emprego, em seu Suplemento de 1996, mostra perfil muito preocupante, sobretudo se comparado a dados de 1987 (suplemento da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios): não teríamos evoluído. Nas Regiões Metropolitanas estudadas, somente Porto Alegre sobressai, por vezes acentuadamente, mas por vezes muito pouco, indicando que no Sul do País (como ocorrera nos dados de 1987 também) existiriam indícios mais seguros de cidadania ativa. O problema da "pobreza política" continuaria mais ou menos inalterado, indicando que a população permanece massa de manobra visivelmente. Os dados referentes a Rio de Janeiro e também a São Paulo insinuam tendências alarmantes de comportamento político pouco ativo, se levarmos em conta sua significação nacional. Se tomarmos em consideração que os dados relativos ao associativismo são muito concessivos, além de representarem apenas a filiação, não a militância, o perfil da cidadania organizada brasileira mostra traços apenas residuais. Nas Regiões Metropolitanas, o associativismo organizado atingiria por volta de 10% da população acima de 18 anos, na média. Se descontarmos pelo menos metade de associados apenas nominais - não participantes ativos - tais dados desceriam para menos de 5%. 


Introdução

Capítulo um: Potencialidades e limites da análise

Capítulo dois: Sobre controle democrático

Capítulo três: Alguns traços gerais do associativismo

Capítulo quatro: Outros perfis do associativismo
1. Associativismo, anos de estudo e rendimentos
2. Tipos de sindicatos e motivos de desfiliação
3. Associativismo comunitário
4. Algumas atividades políticas e defesa de interesses
5. Algumas conclusões a partir dos dados
Capítulo cinco: Idéias para promover a cidadania associativa 
1. O desafio educacional
2. O desafio da mídia 

Capítulo seis: Para concluir

Referências bibliográficas

Sobre o Autor


Pedro Demo, catarinense, filho de pais agricultores, estudou no Seminário dos Franciscanos, fez depois filosofia e parte da teologia. Na Alemanha fez doutorado em sociologia (1971), cuja tese recebeu nota máxima e foi publicada em 1973 (Anton Hains Verlag, Meisenheim). Voltando ao Brasil, foi assessor dos bispos até 1975, quando ingressou no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) (Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão), onde permaneceu até 1994 e se aposentou. Assumiu, então, tempo integral na Universidade de Brasília (UnB), onde é hoje professor titular do Departamento de Sociologia. Fez pós-doutorado na University of California at Los Angeles (UCLA) (1999-2000). Publicou até o momento mais de 60 livros, nas áreas de política social (educação) e metodologia científica. Desde fins de 1980 dedica-se ao desafio de formação permanente de professores.


Editora Autores Associados

Autor: Pedro Demo

ISBN: 85-7496-025-X

Edição: 1ª edição (2001)

Número de páginas: 128

Formato: 10,5x17 cm

Peso: 0,100g

Opiniões do cliente

Nenhuma avaliação no momento.

 
   

Desenvolvido por Lógica Digital Lógica Digital