3 de 4 produtos cadastrados na categoria Ensaios e Letras

Próximo »  

Literatura, violência e melancolia

Literatura, violência e melancolia

Autor: Jaime Ginzburg


De R$29,00

Por R$10,00







Nº da Edição: 1ª edição (2013)

Nº de Páginas: 128

Isbn: 978-85-7496-256-6

Dimensões: 14x19 cm



Disponibilidade: Em estoque


Dúvidas ?
 
 


Digite seu cep para calcular a estimativa do frete.

Formas de pagamento:

 

De R$29,00

Por R$10,00

Parcele em até 3x sem juros
1x de R$10,00
2x de R$5,00
3x de R$3,33


 

É um livro que pretende debater a violência contida na literatura de dois modos: o primeiro tem por objetivo chamar o universo acadêmico a produzir pesquisas voltadas para a relação entre violência, melancolia, literatura e cultura, trazendo para este universo os campos da teoria literária, filosofia, ciências sociais, psicanálise, política e história. A outra abordagem estuda as relações entre o passado e o futuro no que diz respeito à presença da violência na sociedade atual. As abordagens são feitas através da análise de obras clássicas da literatura mundial, tais como: Hamlet, de William Shakespeare; Lavoura Arcaica, de Raduan Nassar; Grande sertão: veredas, de Guimarães Rosa; São Bernardo, de Graciliano Ramos, entre muitos outros. As obras servem de base para o autor levar o leitor a refletir do modo como a morte é tratada nos livros, a reflexão sobre o porquê de um ser humano matar ou agredir o outro. A violência tratada por Jaime Ginzburg é aquela na qual um ser humano agride fisicamente outro, vinculando esta violência diretamente ao conceito de melancolia, ou seja, a morte de uma pessoa é uma perda gigante para um ente querido ou o parceiro que apresenta o estado de melancolia pela perda.


Prefácio

Apresentação

Introdução
- A violência constitutiva
- O impacto da violência 

Literatura e violência
- História literária da infâmia
- A ameaça da catástrofe
- Um espancamento e uma reação
- Leitura e estranhamento
- A posição universalista
- O problema da função afirmativa da arte
- A análise da violência na literatura
- Críticas à paz no século XIX
- O prazer da violência 

Morte e melancolia
- Como fala um melancólico?
- O príncipe melancólico
- A fantasmagoria do Brasil 

O mal-estar da literatura
- A felicidade plena
- Um mundo sinistro
- A fragilização do eu
- O pensamento ordenado
- Subindo os abismos
- Perder a si mesmo 

Tempos sombrios
- Doze cenas
- A violência legitimada
- A Guerra Fria e a atualidade
- O agente da violência
- Violência e conservadorismo na indústria cultural
- A cultura do sadismo
- Como fala um sobrevivente? 

Considerações finais

Referências

Sobre o autor


Jaime Ginzburg realizou estudos em Licenciatura em Letras - Português pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestrado em Literatura Brasileira pela Universidade de São Paulo e doutorado em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atualmente é professor livre-docente de Literatura Brasileira da Universidade de São Paulo e bolsista 1D do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Realizou pós-doutorado na Universidade Federal de Minas Gerais. Como Visiting Professor, com bolsa da Fulbright Foundation, lecionou Cultura Brasileira na University of Minnesota.


Editora Autores Associados

Autor: Jaime Ginzburg

ISBN: 978-85-7496-256-6

Edição: 1ª edição (2013)

Número de Páginas: 128

Formato: 14x19 cm

Peso: 0,160g

Dúvidas?

Mandar uma dúvida

Nenhuma dúvida cadastrada.


Mandar sua dúvida

* Campos Obrigatórios

 
    • Aguarde o carregamento ... Carregando...
Cálculos das Parcelas
1 x R$10,00
2 x R$5,00
3 x R$3,33
   

Desenvolvido por Lógica Digital Lógica Digital